Entre o portugues e o alemao

Vi que a moca do caixa tinha uma bandeira brasileira no nome e perguntei se podia devolver o roteador se nao funcionasse. Ela ficou surpresa de eu falar portugues e comecamos a bater papo. Sotaque delicia de Recife.

Dai ela contou que estava ha’ dois anos em Frankfurt, que falava alemao fluente, que o que nao falava direito mais era o portugues, que alemao era mesmo uma lingua dificil de aprender. Dai eu disse que tudo bem, que era bom pra eu ver exemplos de gente que tinha conseguido aprender (e pensei, caramba, e como aprendeu rapido). Ela riu e disse que nao, ela nao valia, porque tinha se criado em alemao.

Eu fiquei um tempo tentando entender que giria ‘e essa (‘se criar’ em carioques tem outro sentido) ate’ que entendi que ela nao falava MESMO direito o portugues e que morava na Alemanha DESDE os dois anos.

Aaaaah.

***

Conversando com a menina que faz aula de danca comigo – voce estuda aqui em Frankfurt? Ela respondeu que nao, que estava no colegio.

‘E que ‘studieren’ ‘e um verbo que quer dizer ‘fazer faculdade’ e nao ‘estudar’. Estudar, termo geral, ‘e o porcaria do ‘lernen’ (que significa tanto estudar quanto aprender – ou seja, em alemao se estuda tem que aprender). E’ uma bobagem, mas achei tao legal entender o que ela tava queria dizer :)

Advertisements

3 thoughts on “Entre o portugues e o alemao

  1. Ei isinha,
    não me importei com as confusões de linguagem da moça do caixa. Agora me preocupa as suas. Releia o texto e veja se não tenho razão. Estás desaprendendo portugues? ehehehehehe….
    Marilia

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s