Trier e Luxemburgo

Na ida pra Luxemburgo, por indicacao de uma leitora do blogue da Lud e do Leo, paramos em Trier.

Trier foi a primeira cidade alema, fundada um cadinho antes de Cristo. Tem uma ruina romana muito legal, a Porta Nigra, que esta’ inteirona. E a cidade mesmo ‘e fofa – tem umas igrejas muito bacanas, vale o passeio. Pena que nao fiquei com as fotos, mas segue uma da wiki. (ah!, o Leo postou no blogue as fotos dele)

Porta Negra, da Wiki

De la’ seguimos pra Luxemburgo. Oh, sendo bem honesta… Luxemburgo no inverno nao vale o passeio nao. A cidade, Luxemburgo City, e’ bonitinha, mas sem personalidade. A Lud gostou dos belos tons bege degrade, eu achei a cidade super sem cor.

So' assim pra Luxemburgo city ficar mais animadinha

So’ assim pra Luxemburgo City ficar mais animadinha

Alem disso, tudo e’ bem caro! Pra acharmos um almoco que custasse menos de 15 euros, nao foi facil nao (mas o que achamos estava uma delicinha, hehe). Nao achei a cidade especialmente bonita, nem as pessoas especialmente simpaticas, nem o tempo especialmente bom, nem a comida especialmente gostosa. Mas ne’, pode ser que tenha sido por causa do inverno, que deixa tudo mais sem graca.

De noite nos aventuramos na savassinha do lugar – foi ate’ divertido, mas baladas igualzinhas tem aqui em Ffm mesmo. O que eu gostei muito (e gosto sempre) ‘e que tinha um monte de bares/baladas um do lado do outro, e em nenhum pagava pra entrar – voce pode entrar em varios pra decidir em qual voce quer ficar, ou mesmo tomar uma cerveja em cada um. Acabamos voltando cedo porque no outro dia ainda tinha muito volante!

(sim, eu dirigi a viagem toda – apesar de eu nao estar totalmente curada do meu panico de dirigir na neve, foi bem tranquilo. E eu *gosto* de dirigir! : )

Saimos de Luxemburgo City no domingo pra passar no castelo de Vianden, que ‘e bem bonitinho (mas de novo, nao vale a viagem). Custa 6 dinheuros pra entrar e gastamos umas boas 3 horas por la’.

Castelo de Vianden

Castelo de Vianden

A parte mais divertida da viagem foi, sem duvida, que a neve perto do castelo estava imaculada (hmmm, prova que ninguem vai la’?) e ficamos um tempao pisando em neve fofa, em neve crocante, jogando neve pra cima, pra baixo, tirando fotos e afins.

Neve!

Nao solta esse negocio na minha cabeca, nao!

No final das contas, acho que eu gosto de viajar mesmo que o destino nao seja assim uma Brastemp. Eu gosto de ir, de conhecer, de voltar, de contar historia… e de comprar ima! Trier vale o passeio, e ‘e tao perto de Luxemburgo que, se voce estiver ‘a toa em Frankfurt… ah!, vai la’ :)

(ah!, aqui o relato no LLpeloMundo, e as fotos do Leo)

Advertisements

2 thoughts on “Trier e Luxemburgo

  1. Olá!! Vou para Luxembourg no final de março, e gostaria de visitar a cidade de Trier na Alemanha. Vocês poderiam me indicar o transporte de Lux até Trier, já que vcs fizeram o caminho (ao contrario, hehehe) e se um dia eu consigo conhecer Trier.

    Um abraço!!!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s